domingo, 20 de dezembro de 2020

Dragão perde mais uma no Brasileirão

Na noite deste sábado, 19, o Confiança sofreu mais uma derrota, a terceira jogando na Arena Batistão, pelo Brasileiro da Série B, das quatro últimas sofridas na competição. O fracasso desta feita foi diante a Ponte Preta-SP, com placar de 2 a 1.

Não foi dessa fez que os azulinos se reencontraram com a vitória. (Foto: Luiz Neto-ADC)


Procura-se os motivos que levaram o Dragão a uma queda como a que vem ocorrendo nos últimos quatro jogos e que, acaba ameaçando todo um projeto de manutenção do clube na segunda divisão brasileira. O clube sergipano recebeu no gols e só fez dois.

A sequência de derrotas atuando na Arena Batistão, iniciou com CSA-AL ( 1x5), Juventude-RS (0x1), e ontem, Ponte Preta-SP (1x2). Na partida de Campinas-SP, no início da semana, perdeu para o Guarani (1x0).

"O que aconteceu achamos normal dentro de uma competição como essa. Ninguém fica satisfeito com as derrotas que estão acontecendo, mas eu acredito muito nesse grupo. A gente não pode esquecer que esse grupo fez 39 pontos, com trabalho, com mérito. É lógico que tivemos uma queda de rendimento, isso é notório, mas a gente não pode ficar criando situações onde não existe". Enfatizou Daniel  Paulista, treinador proletário.

O Jogo

Os comandados pelo treinador Daniel Paulista, até que conseguiram fazer um bom jogo atendendo às determinações atribuidas pelo treinador. No meio da primeira fase para o final, o clube azulino do bairro Industrial vacilou e a Macaca abriu o marcador através de Moisés, aos 30 minutos. 

Ainda no final da fase, o zagueiro Matheus Mancini, testou, da marca do pênalti e fez o gol de empate, para o Dragão, aos 44 minutos, deixando tudo igual.

O time retornou para o segundo tempo, mas o Confiança, voltava a cometer os mesmos erros, sem consegui finalizar de forma correta, situação que virou uma constante no ataque proletário e como se diz no adágio popular "quem não faz leva", surgiu o segundo gol do alvinegro paulista, finalizando em 2 a 1, aos 39 minutos, gol feito por Guilherme Pato.

Próximo Jogo e Programação

O Confiança terá cerca de oito dias para se reorganizar, para enfrentar o Brasil de Pelotas, no interior gaúcho, na tarde do próximo dia 28. 

O meia atacante Reis e o zagueiro Nirley, receberam o terceiro cartão amarelo, situações que serão definidas no decorrer da programação que começa nesta segunda-feira, com regenerativo para quem atuou na academia do clube e táticos para os não relacionados e os que atuaram somente na segunda etapa do último encontro.

Nenhum comentário: