quarta-feira, 14 de julho de 2021

Sergipe leva torcedor com alzheimer para ver jogo no batistão

José Gomes de Araújo, é um senhor torcedor fanático pelo Sergipe. Natural do Rio de Janeiro, ele reside em Aracaju ha cerca de 50 anos. Sua paixão pelo Gipão foi praticamente amor à primeira vista. 

“Quando vim do Rio de Janeiro para cá, o primeiro jogo que vi foi do Sergipe, e o Sergipe ganhou. E desde aquele dia eu torço para o time. Nunca perdi um jogo aqui no Batistão.” - contou José Gomes. 

O senhor fanático pelo Mais Querido, foi diagnosticado com Alzheimer no início do ano, e o estado da doença já está avançado. O Alzheimer é uma doença onde pessoa vai perdendo a memória com o passar do tempo. José Gomes sempre ia ao jogos no Batistão, porém, desde que a pandemia começou, ele não foi mais aos jogos do Sergipe. 

“Meu pai foi diagnosticado com Alzheimer, e já está perdendo algumas funções. Uma parte da memória dele está bem afetada. E desde o início da pandemia, ficou muito difícil vir ao Batistăo.” - disse Lucas de Araújo, filho do José Gomes. 

Para que seu pai não perdesse as memórias dos jogos do Gipao, Lucas tomou a iniciativa de entrar em contato com a diretoria do clube, para que ele pudesse voltar a ver um jogo, e felizmente, ele conseguiu e levou seu pai ao Batistão. Ele também relembra alguns momentos ao lado do pai quando iam ao estádio. 

“Meu pai sempre trazia a gente( ele e os irmãos), comíamos amendoim, costumávamos sentar sempre no mesmo local. Ele sempre fazia nossos gostos de criança. Eu lembro disso tudo com muito carinho, do Sergipe, do Batistão.” - completou Lucas.

Nenhum comentário: