sábado, 19 de junho de 2021

Itabaiana e Sergipe movimentam clássico na Série D Brasileira

 

Uma clássico sempre desperta trabalho, foco, determinação e um bom ajuste para que tudo ocorra bem no decorrer de um confronto. Assim foi a semana para Itabaiana e Sergipe, que se encontram na tarde deste domingo, 20, a partir das 16h, pelo Campeonato Brasileiro da Série D, no valendo pelo Grupo A4. A peleja, válida pela terceira rodada da competição nacional, será realizada no Estádio Etelvino Mendonça, em Itabaiana.

No andamento de uma competição, as equipes enfrentam bons e maus momentos, principalmente, da equipes de um jogo para o outro. Durante a semana, tricolores e colorados não perderam tempo e trabalharam firme para levar o melhor de cada equipe para o encontro, que vale três importantes pontos e a vitória levará uma das equipes ao topo da tabela, atualmente, com o Sergipe entre os lideres do Grupo A4 da Série D.

Atacante Thiago Santos pode ter confirmação no grupo titular (Foto: F5 News)


Para o clássico deste domingo, os tricolores realizaram seus trabalhos no CT da Serra e no palco do jogo, o Etelvino Mendonça. O meia Aurélia foi testado positivo para o Covid-19 e ficará fora cumprindo a quarentena. Por outro lado, uma aquisição recém providenciada pela diretoria do clube, atacante Luiz Felipe, estará à disposição do treinador Evandro Guimarães. O meia Téssio Cajá, o atacante Thiago Santos e ainda, o meia Carlos Caaporã, foram liberados e se somam ao projeto do jogo.

O tremendão pode ter uma formação inicial com: Léo; Talles, Diego Bispo, Hugo e Paulinho; Jacobina, Batata e Clayton e Téssio Cajá; Thiago Santos (Caaporã) e Pedro Henrique. Guimarães realizou algumas modificação buscando ajustar o melhor possível do tricolor para chegar à vitória, sabendo que a vitória dará uma possível liderança do grupo.

Da Silva e Matheus Morais, fora do clássico. (Foto: Ascom CSS)


Já os colorados lamentam as três importantes baixas. Da Silva e Matheus Morais, sentiram o pé direito, enquanto o atacante Paulinho foi lesionado no adutor da coxa e no joelho, desfalques registrados durante a semana de preparativos, movimentados no Adolfo Rollemberg, Fair Play e APCEF, com fortalecimento muscular e aprimoramento no sistema técnico e tático do grupo.

O Mais Querido não deve mexer muita coisa, utilizando da velha praxe que “time que vence não se mexe”. Sendo assim, o alvirrubro da capital pode colocar em campo mais marcação no setor de meio, que já vem bem postado com dois volantes e um zagueiro. Igor Rayan; Paulo Fernando, Sanny, Hítalo Rogério e Júlio Lima; Ewerton Ageu, Júlio Pit, Brendon e Doda; Luizinho e Hiago. A possível formação do treinador Elias Borges, com pensamento em realizar mais uma partida proveitosa e elevar o Sergipa à condição de líder, para isso, terá que vencer o clássico da paz.

Nenhum comentário: